Polícia Civil do TO recebe equipamento que desbloqueia celulares e recupera dados apagados

0
11

TOCANTINS – A Secretaria de Segurança Pública do Tocantins anunciou que recebeu como doação dois equipamentos Cellebrite. O software é uma tecnologia que foi desenvolvida em Israel e permite o desbloqueio de celulares mesmo sem a senha do aparelho e a recuperação dos dados, inclusive os que foram apagados.

O programa ficou conhecido no Brasil após ser usado em investigações de grande repercussão, como a Operação Lava Jato e o caso do menino Henry Borel, assassinado no Rio de Janeiro no primeiro semestre deste ano.

Os dois exemplares que foram doados ao Tocantins vieram da ‘The Exodus Road’, que é uma organização sem fins lucrativos especializada em combater o tráfico de pessoas, pedofilia e exploração sexual. Segundo a SSP, estes são os tipos de crime no qual o uso do Cellebrite será focado no estado.

A entrega foi nesta sexta-feira (27) numa reunião entre Jonathan Matthew Parker, que preside a ONG doadora e o secretário de Segurança Pública, Cristiano Sampaio. “No Tocantins a incidência do tráfico de pessoas ainda é pequena, se comparado a outros estados, mas talvez isso aconteça de forma silenciosa. Com esses equipamentos a proteção dos direitos humanos será fortalecida e efetivada, porque teremos uma perícia e investigações ainda mais eficientes”, disse o secretário.

O comunicado que a SSP distribuiu à imprensa sobre a doação afirma que o sistema é usado “para coletar dados de modo a preservar a validade jurídica da prova”.

(G1 TOCANTINS)